5 Dicas para sobreviver na “pindura” de morar sozinho



A hora de morar sozinho sempre chega e, geralmente para os novatos, é inacreditável a capacidade de sumiço da grana: tudo precisa de conserto, sempre tem alguma coisa faltando, uma conta que não veio programada ou o valor do mercado que não fecha direito na ponta do lápis.

No final tudo sempre dá certo, mas ser dono do próprio nariz tem seus macetes.
No final tudo sempre dá certo, mas ser dono do próprio nariz tem seus macetes.

Mas vamos dar cinco importantes dicas para não se perder na hora de fincar a bandeira da liberdade na sua sala de estar:

1 – Sozinho pra quê?
Morar sozinho não significa ser a única pessoa na casa. Você pode ter um amigo ou dois com a mesma idéia na cabeça e, nessas horas, nada melhor do que dividir o apê com alguém que já te conhece e que você gosta.
É sempre melhor compartilhar, principalmente contas!

2 – Saúde.
Ficou doentinho? Pois é, agora não tem para onde correr: o problema é contigo. Agora você é responsável pela própria saúde. Uma opção para não ter que gastar uma fortuna em consultas médicas em consultas particulares é contratar um plano de saúde. Como você mora sozinho, pode contratar um plano individual e simples, apenas para ter a cobertura necessária em algum caso importante. Na ponta do lápis, você acaba economizando muito mais com uma assinatura de plano do que tendo que ir num médico sempre que acontecer algo.

3 – Menos é mais.Claro que nós adoramos as regalias da sociedade moderna. Uma série de adventos que podem facilitar a nossa vida, mas acabam complicando nosso bolso. Uma cafeteira, por exemplo, pode facilitar a hora do café… Mas com um pouco mais de tempo gasto, você economiza um bom dinheiro e ainda pode provar pra quem mora com você sua técnica hiper-apurada na hora de preparar o cafezinho de todo dia.

4 – O aluguel.
Recomenda-se que você utilize 1/4 do seu salário com o aluguel. (Quando eu morava de aluguel era 1/3).
No final das contas, o que sobrar disso é o que irá determinar o resto de seu mês.

5 – Ame seu lar.
Afinal de contas, é pra ele que você voltará toda noite (ou madrugada, ou dia!). Agora, mais do que um lugar pra dormir, você tem seu próprio canto. Um lugar que fará parte da sua vida, que trará histórias para contar e que, mais do que tudo, é o espelho da sua personalidade.



Vinicius de Oliveira

Criador do Blog Morando Sozinho

0 comentários em “5 Dicas para sobreviver na “pindura” de morar sozinho”

  1. “Recomenda-se que você utilize 1/3 do seu salário com o aluguel. No máximo, 1/4.”

    A ordem da fração utilizada com o aluguel ficou invertida no texto.
    1/3 > 1/4!

  2. Recomenda-se que você utilize 1/3 do seu salário com o aluguel. No máximo, 1/4.

    Tá difícil, os alugueis estão cada vez mais absurdos. Em Goiânia se eu for utilzar 1/3 do meu salário talvez desse pra alugar um mini-quarto ferrado.

    Pra se ter idéia deixo MAIS da metade do meu salário no aluguel.
    Sobrevivo com o restante por um milagre divino.

    Mas no final da tudo certo mesmo.

  3. “Recomenda-se que você utilize 1/3 do seu salário com o aluguel. No máximo, 1/4.”

    1/4 é mnor que 1/3. Seria o correto: Recomenda-se que você utilize 1/4 do seu salário com o aluguel. No máximo, 1/3. 😛

  4. Seria muito bom se desse para pagar um aluguel baratinho e morar bem….
    Mas como a vida é injusta, temos que pagar alugueis muito caros e sobreviver como a amiga lá em cima falou com um milagre divino!!!!
    Mas no final tudo dá certo, se ainda não deu certo é pq ainda não chegou no final!!!!

    Abraço Galera!!!!

  5. Mas acredito que pra quem mora só nao necessita de uma casa muito grande ou um apartamento amplo, é desperdício de dinheiro. No meu caso, eu prefiro morar numa kitinet, é ótimo e economizo bastante.

  6. Aproveitando a ocasião, vocês poderiam fazer uma matéria ensinando como sair de casa com o consetimento dos pais. Preparar a família pra esse momento, eu mesmo nem saberia o que falar num caso desse. Muita gente se depara com essa situação, tem todas as condições materiais para sair de casa, mas não sabe como falar isso pra família.
    Tem que ter muita coragem pra chegar e dizer: “Vou sair de casa”.

  7. Concordando e descordando do Daniel PB ao mesmo tempo digo que:

    É verdade, não precisamos de uma casa ampla, ou um apartamento confortável pra morarmos sozinhos. ( Isso não vale para os ricos ). E sim… Uma kitnet é beleza.

    Porém, os valores das kitnets são quase os mesmos valores de um ap simples ou uma casa simples, os proprietários estão surtando…
    Quase toda locação é por imobiliária, que é uma burocracia lascada. Pedem 2 fiadores com imóveis quitados, renda três vezes maior do que o valor do aluguel e isso e aquilo. Mas quem muda de cidade, tem dificuldade pra encontrar fiador, afinal, quem vai confiar em vc pra ser seu fiador de aluguel???

    Os proprietários particulares sabendo dessa dificuldade toda que temos pra alugar de imobiliária, metem a faca no valor, já que é particular e todo mundo vai querer.

    Em goiânia até uma kitnet de valor mais baixo, porém a localização é lá onde Judas perdeu as botas, ou a kit tá caindo aos pedaços, ou então é um mini-quarto que mal cabe a sua cama….

    Então o melhor a fazer é dividir um ap simples em com uma ou duas pessoas.

    Infelizmente está cada vez mais complicado achar um cantinho legal e mais barato … Mas a gente sobrevive!

  8. oi Grazie.. hoje em dia tem um negócio que algumas imobiliárias fazem, que é tipo o banco ser seu fiador… vou pesquisar direitinho e te falo…

  9. Como fazia um milhão de anos que eu não lia esse blog, li logo um monte de posts. E estou rolando de rir aqui… há uns post atrás, foi postada a foto de um quarto bagunçado que lembra tanto o meu!! huhu

  10. Grazie, perguntei a uma amiga de Porto Alegre e ela me respondeu assim:
    “Eu não lembro bem de qual dos dois vc quer saber, mas tem o seguro fiança e o título de capitalizaçao… O seguro fiança é um valor de um aluguel (com taxas) e meio que vc paga acho que anualmente… E o dindin vai e nunca mais volta. Já o titulo de capitalização é um titulo (eer!) que vc faz acho que no banco, no valor de 10 alugueis (com taxas) e pode ser resgatado qdo vc deixa o imovel. Era só isso que eu lembro que tinha de opçao alem do fiador…”

  11. aluguel é o mais complicado… eu vejo gente q paga metade e até + do q ganha,
    por isso q só saio d casa com tudo planejado, p q qdo sai ñ qro voltar! ñ q seja ruim minha casa é q #souantiaventuraporbirra

    ai pessoal FOLLOW ME! *-* (ai eu sigo tbm 😉

  12. oii vinicius, acompanho seu blog ha algum tempo…. qd nao tenho nd p/ fazer olho series americanas, de tv.. enfim decidi criar um blog sobre isso com varios downloads passe lá ja coloquei o seu banner. obg

  13. ame seu lar! bem verdade.

    o meu é um kitnet,mas é arrumadinho,super aconchegante.
    e é meu!

    arrumo (ou não) como quero,faço tudo do meu jeito (e a meu tempo).
    no início achava ruim,queria algo melhor,mais amplo,mais chique também.
    só que hoje eu adoro e não pretendo sair tão cedo daqui…

    …se não alagar,né?!tô com um alagamento no meu lar,um vazamento terrivel no banheiro.

    é. tudo precisa mesmo de conserto. ah,e dá problema sempre na mesma epoca.
    la vai você – sem grana e sem tempo – ter que resolver.

    tenso!

    pra Daniel: conversa com seus pais. Diz que você sente necessidade dessa experiencia,que já tem grana suficiente pra se sustentar,elogia o tempo que ficou com eles,que gosta de morar com eles…enfim,elogia bastante e fala que vai morar sozinho,ah,fala também da liberdade.

    e sobre grana,mesmo que não tenha muita dá pra viver bem. Não sei em que cidade da Paraiba (PB,é paraiba,né?) você mora,mas em Campina Grande os alugueis são baratos.

  14. Quem sabe quando tiver um salário que possa tirar um quarto dele… Enquanto isso, amo meu quarto!
    Meu blog tá renascendo das cinzas… Ainda lembra de mim? rs
    Bjokas!

  15. Eiiiii cara, ótimas dicas. Daqui algum tempo estou pretendendo morar sozinho, dai, já viu né filho? Vou levar isso a sério e reler seu blog. Abração. Aguardo visitas.

  16. Eu JAMAIS pensei que um dia moraria sozinha kkkk era tão estranho pensar que um dia poderia vir a acontecer rs acho que nunca pensei nessa possibilidade… E exatamente por isso as coisas decidiram ir para um rumo que eu não gostaria e acabei tendo que morar sozinha… hoje AMO meu lar, mais no começo foi dificil me acostumar !!
    Eu acho que a tarefa mais dificil dessa vida de morar sozinha é o meu tempo pra me organizar nas dividas a pagar !

  17. Nossa!! Dividi ap com diversas pessoas. Algumas que conheci pela net. Foi uma fase muito difícil porque a grana era muito curta e raramente as contas eram pagas em dia gerando cortes no abastecimento. O barato era que não tínhamos grana para comprar móveis e fazíamos igual o norte americano (catávamos na rua) e dávamos o nosso jeitinho especial. Atualmente moro sozinha, as condições financeiras melhoraram bastante, mas sinto a maior saudade daquela época.
    Um abraço a todos.

  18. Boa Noite, pessoal.

    Eu estava navegando pela internet, procurando o maximo de dicas e experências de pessoas que moram sozinhas. Encontrei nesse blog.

    Estou quase fechando uma kitnet, finalmente vou morar sozinha. Sinceramente toh morrendo de medo rs. Mas estou disposta e com muita vontade de enfrentar tudo que vai vir. Sei que não vai ser tudo lindo maravilhoso, pelo contrario. Mas tudo na vida tem seu lado bom e ruim, e toda decisão tem riscos.
    Decidi, vou morar sozinha pagar minhas contas, fazer minha comida, e tudo mais.
    Mas em relação ao comentarios, mesmo conversando da melhor forma em casa. Vou sair de casa, sem o apoio de ninguem. Não é facil.
    Acredito que a kitnet, pra quem vai morar sozinho é a melhor opção. Afinal é só vc na casa, e fora que fica o dia todo no trabalho.
    Bom, uma nova fase na minha vida. Agora economizar ao maximo. Conselho, ter um minimo de poupança antes de sair de casa, para caso precisar ter onde recorrer.

    Acho que já escrevi demais rs

    beijinhos

  19. Eu concordo com tudo q a Babi disse, ate parece q fui eu escrevendo !! Eh dificil msm, e da um mega medo, ainda mais qdo vc ta saindo indo contra os pais !! Ai vc vai sem apoio, mas eu imagino q ele acabam acostumando !! Assim espero !!

  20. Eu sou estagiária, ganho pouco, e se fosse morar em um lugar muito barato aqui em Sampa ia levar 2 horas pra chegar ao trabalho nos dias bons. Eu levo 40 minutos e moro perto de shopping, estação de trem e supermercado. A desvantagem é que 50% da minha grana vai pro aluguel, já passei muito perrengue, de ficar duas semanas só comendo arroz com tomate kkkkkk. Na maioria dos meses a conta fecha, mas quando fico no vermelho peço uma grana emprestada pro meu pai. Nunca deixei de pagar, mas com meu pai eu parcelo e não pago juros. Lógico que pretendo ganhar o suficiente pra realmente me virar sozinha, mas por enquanto esse é o jeito. Não me sinto mal por precisar de ajuda às vezes. Tenho 24 anos, sempre estudei em escola pública, ganhei bolsa pra faculdade, saí de casa aos 20 e conheço muita gente que trabalha, ganha razoavelmente bem, mora com os pais e não dá um centavo em casa pra ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *