A vida em república (Masculinas x Femininas)

Praticamente toda semana recebemos no Facebook perguntas de como é morar em uma república.

Já fiz alguns posts falando disso aqui e aqui.

O fato é que morar em república pode ser uma experiência única e divertida, mas antes de pensar em escolher um lugar você precisa saber se você vai morar sozinho mesmo ou em republica ou morando com o namorada (o).

Vocês podem não considerar essas categorias como “morar sozinho” mas pra mim só o fato de você arcar com as despesas e estar longe dos pais já inclui no patamar dos que moram sozinho.

Repúblicas Masculinas x Femininas

Uma coisa que sempre reparei é que geralmente os homens não se dão bem dividindo o quarto, por isso a maioria das repúblicas masculinas consumam ser em casas grandes assim cada morador tem o seu próprio quarto

Já a maioria das republicas femininas que conheci as habitantes não tem muito problemas em dividir o quarto. (Ou tem? deixem nos comentários)

Outra diferença é que nas republicas masculinas geralmente possuem um empregada que vai toda semana limpar a casa e algumas vezes também pode fazer outros serviços como lavar as roupas e até a comida! Já na republica feminina elas ficam encarregadas de fazerem esse serviço.

Já as republicas mistas são mais difíceis de darem certo. O perfil do homem é de ser bagunceiro! Já a mulher por mais organizada que seja geralmente deixa uma bagunça no banheiro, enquanto o homem vai deixar a tampa da privada levantada, e até hoje ninguém sabe o motivo, mas isso irrita muito as mulheres.

Dica para escolher sua república

Antes de escolher sua republica procure conhecer o perfil dela, para saber se você vai se adaptar, algumas reps são mais festeiras e badaladas, outras possuem regras e horários mais rígidos.

Tente conhecer todos os indivíduos que habitam sua nova rep.. Uma vez um amigo meu entrou em uma república e colocaram ele para dividir o quarto com um homosexual.. claro que ele demorou pra perceber e o constrangimento rolou solto!

Uma outra dica importante é conversar com os vizinhos da republica sobre como é a vida dos moradores e a convivência com o bairro.

E vocês tem mais alguma dica? Deixem nos comentários.

Faxina &Republica Vinicius de Oliveira 13 set 2017 Nenhum comentário



Fui morar sozinho? E agora como lavo as roupas?

Apresentando: O poder do X

Quem mora sozinho sabe que lavar roupas faz parte da nossa rotina diária… uma rotina difícil, mas necessária.

Pensando nisso separamos algumas dicas de como lavar as roupas corretamente para ajudar quem saiu da casa dos pais recentemente

1º Passo: Separe as roupas!


Vamos começar separando as roupas claras das escuras, o ideal é separar também pela quantidade de sujeira: pouco suja ou muito suja.

2º Passo: Preparação

Encha o tanque ou a maquina com agua,e adicione a dosagem de lava roupas recomendado e dissolva o produto para que a ação seja mais eficaz.

Depois mergulhe as roupas uma por vez esfregando as partes mais sujas, O ideal é deixar de molho por uma hora as roupas brancas e as coloridas por 30 minutos. Após isso deixe o processo de lavagem da sua maquina seguir normalmente.

3º Passo: Secando as roupas

Nessa hora é importante ler a etiqueta das peças para ver se tem alguma instrução mais especifica, mas geralmente as peças brancas e devem secar ao sol e as mais coloridas sempre na sombra. Voce deve pendurar as roupas no varal pela extremidade mais firme ou até mesmo usar cabides.

Dicas finais: Escolhendo produtos para lavar roupa

Além de todo esse ritual que falamos acima, a escolha dos produtos que você usa podem facilitar o seu trabalho.

Essa semana a Ypê, lançou sua nova campanha do seu Lava-Roupas: Tixan Ypê o poder do X e quando eu assisti o vídeo da campanha lembrei exatamente de como eu era quando sai da casa dos meus pais:

Hoje em dia todos nós estamos sempre preocupados em fazer escolhas conscientes para evitar desperdício tanto para o bolso quanto para o meio ambiente, que são traduzidas no Tixan Ipê em uma formula isenta de fosfato que contribui com a preservação da vida marinha.

E vocês tem mais alguma dica? Deixem nos comentários!

Faxina &Lavando Roupas Vinicius de Oliveira 28 ago 2017 Nenhum comentário



Cinco dias para se alimentar melhor morando sozinho

Você que mora sozinho ou em republica sabe que a alimentação é um grande problema. Isso porque a comida é cara e além de tudo temos que preparar nossas refeições!


Pensando nisso separamos cinco dicas matadoras para ajudar você a se alimentar melhor

Confira abaixo:

1. Porções de comida
Os alimentos nos mercados são embalados em porções para casais, portanto, na geladeira de quem mora sozinho essas comidas sempre vão estragar. O ideal é comprar pequenas quantidades e sempre do que estiver mais fresco (consulte sempre o prazo de validade do produto).

Tente escolher tamanhos menores, como pacotes de pão de fôrma pequenos, é melhor você comprar um pacote pequeno que não vai estragar do que comprar uma embalagem grande e perder tudo ou ter que comer cinco dias a mesma comida

E não tenha vergonha de comprar somente um bife ou uma coxa de frango!

2. Frutas
Sim frutas! Apesar de não serem saborosas, elas são saudáveis e bem baratas. Comece comprando alimentos mais práticos como maçãs e bananas leve uma para o trabalho ou para a aula. Quando você menos perceber vai até sentir falta de algumas frutas no seu cardápio!

3. Desperdício:
Crie um cardápio semanal e compre apenas o necessário, Isso evita que você precise ir ao mercado todos os dias!
Se precisar você pode congelar alimentos.

4. Ingestão de líquidos
Ingerir líquidos e sempre nos intervalos das refeições. Água não engorda nem emagrece. E lembre-se que voce deve consumir algo entre 1,5 e 2 litros, não precisa ser somente agua, pode ser sucos, chás, e etc.

Torque o refrigerante por sucos de frutas, além de serem mais saudáveis, hidratam e fornecem vitaminas ao organismo!

5. Aprenda a cozinhar
Você comerá melhor e economizará e hoje em dia a maioria dos alimentos podem ser preparados no micro-ondas e você as receitas rapidinho na internet.

E vocês tem mais alguma sugestão? Deixem nos comentários!

Dinheiro &Receitas Vinicius de Oliveira 24 jul 2017 2 Comments



Segundo estudo, Lavar a louça pode causar depressão nos homens

Essa semana o cantor Sorocaba da dupla Fernando & Sorocaba postou uma foto lavando louça na época em que morava em republica.

Sorocaba Lavando louças

A repercussão foi grande, principalmente pelo fato da torneira estar aberta! O que muita gente não sabe e que muitas mulheres acham que é desculpa, mas lavar louças é atividade prejudicial a nós homens!

Um estudo revelou aquilo que todos os homens já sabiam e que muitas mulheres ignoravam: lavar a louça e outros serviços domésticos pode causar depressão e outros problemas psicológicos nos homens!

Após acompanhar de perto a vida de 723 pessoas ao longo de 26 anos, o estudo concluiu que aqueles que dividiam os afazeres domésticos com a parceira tinham maiores problemas de saúde. Ansiedade, nervosismo e problemas de concentração eram alguns dos transtornos comuns.

Segundo a pesquisa as complicações acontecem por conta dos papéis assumidos por cada gênero dentro do relacionamento. A solução para que a vida em casal se saia melhor é conversar e eliminar essas barreiras.

Agora eu te pergunto? E nós homens que moramos sozinhos?

Faxina &Republica Vinicius de Oliveira 19 jul 2017 1 comentário



Organize sua vida financeira de uma vez por todas: O Cartão de crédito

No ultimo artigo da série “Organize sua vida financeira de uma vez por todas” demos algumas dicas de como uma planilha financeira pode ajudar você a organizar as suas finanças.


Hoje vamos aprender a como usar o cartão de crédito conscientemente

Se você já está enforcado com o seu cartão, o primeiro passo é colocar as contas em dia e usar ele somente para aquilo que é essencial e que não prejudique as suas finanças.

1. Determinar onde você usa o cartão de crédito:
Vamos dividir em categorias onde você esta usando seu cartão. Pegue as três ultimas faturas e separe os gastos em: Alimentação, Transporte, Vestuários e etc.

Fazendo isso vamos conseguir enxergar como estamos usando o nosso cartão e poder remover os gastos supérfluos mantendo somente o essencial. Se você não sabe como fazer isso assista o vídeo (clique aqui para assistir o vídeo) mostrando como fazer isso com uma planilha no Excel.

2. Hora de ver o tamanho do buraco.
Depois de separar e ver onde podemos diminuir nossa divida, vamos levantar o tamanho total da dívida e dos juros (caso houver). Feito isso fazemos um levantamento de quanto a gente ganha quanto está comprometido e quanto podemos pagar por mês.

Se você está acompanhando nossos outros artigos pode usar a planilha financeira para poder visualizar isso melhor. Depois disso, baseado nos gastos, vamos procurar onde podemos economizar, por exemplo: Se está gastando muito com alimentação tente começar a fazer a sua própria comida, se não tiver essa possibilidade considere mudar o lugar onde você almoça/janta/ come o seu lanche / toma seu café.

3.Negocie as dividas:
Se você já estiver devendo juros no seu cartão você pode procurar o banco para uma possível negociação, mas só faça isso depois de levantar quanto você pode pagar por mês. E lembre-se se você conseguir um acordo é importante honrar o que foi combinado.

4. Deixe o cartão em casa:
O primeiro passo é parar de andar com seu cartão de credito, deixe ele guardado na sua casa, assim antes de usar você terá tempo para pensar se vale mesmo a pena utilizar o cartão.

5. Diminua o numero de cartões:
Se você tem mais de um cartão de crédito cancele todos e fique somente com um. Assim você pode economizar também com a anuidade.

6. Falando em anuidade:
Hoje em dia algumas empresas oferecem cartão sem anuidade, basta uma busca rápida no Google para você encontrar algumas, mas a gente vai aproveitar para indicar o Nu-Bank é um cartão de credito sem anuidade que você acompanha em tempo real pelo celular todos os gastos inclusive já divididos por categoria.

7. Diminua o limite do seu cartão:
Se você não tiver intenção de parcelar compras o ideal é diminuir o seu limite no cartão. O ideal é que seu limite não ultrapasse 50% da sua renda líquida.

8. Dicas finais: Mudança de Hábito

Não.. não estou falando do filme…

Aproveite a oportunidade para diminuir o uso do cartão de credito. Você pode começar mudando para o cartão de débito, ou até mesmo dinheiro.

Quando o dinheiro sai na hora da nossa mão dói mais assim gastamos menos.

FATO: Se você tiver na sua carteira R$100,00 em notas de 10 você vai gastar eles muito mais rápido do que se tiver somente uma nota de R$ 50,00 faça o teste.

Finanças Vinicius de Oliveira 12 jul 2017 Nenhum comentário

Próxima página »