Archive for maio, 2009

Macarrão, Puta que pariu!

Ricardo postando:Como vocês já sabem o Vinão está com viadagem problemas e enquanto isso eu vou dando as cartas.
Pro morando sozinho não ficar parado cada semana um blogueiro vai ser convidado pra escrever aqui e hoje é a vez do @Paulão vocalista da banda velhas virgens.

O Paulão não tem tempo nem saco pra postar aqui, mas enviou a receita Macarrão Puta que o pariu.

Ingredientes:

  • Macarrão (o que tiver, puta que pariu)
  • Linguiça (três gomos)
  • Lata de molho de tomate (qualquer um)
  • Sal
  • Tempero de alho e cebola (o mais velho e vencido possivel)
  • Manteiga (acabou o azeite)

Modo de preparo:
Coloque água pra ferver. Ferveu? Adicione o macarrão e fique de olho pra ficar al dente. É só ir testando com o garfo e queimando a lingua.

O Macarrão tá legal? Jogue no escorredor.
Na frigideria, frite a linguiça. Fritou? Corte em fatias.
Pode beliscar….

Belisca… caralho!

Na panela onde vc fez o macarrão, jogue a manteiga e deixe derreter em fogo baixo. Derreteu? Jogue sal, tempero de alho e mexa pra não queimar. Jogue a lata de molho. Deixe borbulhar um pouco….
Borbulhou?

Adicione a linguiça e deixe tudo cozinhar um pouquinho em fogo baixo. Você tá com fome? Não tem paciencia? Jogue o macarrão no prato e o molho com linguiça sobre ele. Encha um copão de Coca Zero e mande tudo pra dentro.

Ficou bom…. ? Não… ?
Coma do mesmo jeito. É macarrão, puta que pariu!

Paulão de Carvalho
Baixista, gaitista fingido, saxofonista falsificado e vocalista mal amado. Fundou a banda em 84, mas só aprendeu (?) a tocar em 86, quando conheceu Cavalo.Cervejeiro juramentado, corintiano devotado, só gosta de dois tipos de mulher: as suas e as dos outros. Ranzinza, chorão e criador de um tratamento de pele à base de cerveja, com que ele se banha nos shows.
Blog: http://paulaovv.blogspot.com

Sem categoria Vinicius de Oliveira 28 maio 2009 Nenhum comentário

Apresento-lhes a Feijuca!

Fala galera! Meu nome é Ricardo e sou o enviado especial (disse ENviado, entendam bem!) do Vinão para postar aqui no Morando Sozinho. Como sabemos, ele está com frescura problemas pessoais e esse blog precisa de um agito! Não serei eu que farei isso, então preciso de vocês!

Bom, eu moro em Jaú e trabalho com o Vinão há uns 2 anos e meio, mas conheço ele há muito mais tempo. Moro sozinho há quase 6 meses e com certeza essa é uma ótima experiência de vida!

Deixando isso de lado, hoje o Vinão foi almoçar lá em casa, e como faz tempo que a gente ta querendo comer uma feijoada (“feijuca” como diria o Paulão da Velhas Virgens) resolvi experimentar uma alternativa interessante para a hora desse tipo de aperto (sem mãe disponível para cozinhar, acaba complicando.. ainda mais pra fazer uma feijuca pra 2 pessoas.. não compensa!). Resolvi comprar a Feijoada da Panco. A pergunta que vocês estão se fazendo, eu também me fiz e até o Sílvio Santos fez: Hum… Será que é bom?!?!

Hum... a aparência da feijoada na embalagem é boa... e a de dentro?

Hum... a aparência da feijoada na embalagem é boa... e a de dentro?

Levei o pacote para casa e li as instruções: colocar o pacote em água fervente por 7 minutos. Fácil assim! É só esquentar.. o produto vem em um tipo de “bolsa prateada”, que se aquece ao entrar em contato com a água fervente e esquenta o alimento. Não sei descrever muito bem o tipo de material, mas isso aqui não é blog de nerd! Portanto vamos nos concentrar no intuito do blog: se virar da melhor maneira possível morando sozinho!

Pois bem, enquanto a feijuca aquecia na panela com água, eu fiz o arroz e o Vinão chegava com o torresmo. Quer coisa melhor? Feijoada com arroz branco e torresmo!

Por via das dúvidas, deixei a “mistureba” fervendo por 10 minutos, vai que não esquenta? E ficava imaginando qual seria a minha surpresa ao abrir o pacote de feijoada. Já estava esperando aquela comida pronta com “farelos de lingüiça” e 2 míseros pedaços de carne seca que você nem enxerga direito.

Ao abrir o pacote, tive uma boa surpresa: não era tão fraquinho assim! Claro, não é igual a feijoada de nossa digníssima mãe, mas pra matar a vontade de uma feijuca até que serve. E o gosto é bom! Tá aprovada! Bom, em partes….

Não chega a ser decepcionante, pois eu sou pessimista e esperava algo pior!

Não chega a ser decepcionante, pois eu sou pessimista e esperava algo pior!

Colocando na ponta do lápis vamos aos comentários sobre o produto:

  • Achei um pouco caro – R$ 6,99 por um pacote de feijoada de 300 gr. Mas pesquisando por aí, o kilo da feijoada sai por uns R$ 24,00… no final das contas ficaria tudo na mesma, se o paio, a carne seca e o “sei lá o que tem aí” fosse em maior quantidade.
  • Uma coisa que todos sabem, mas que é bom reforçar: nunca compre nada achando que a foto da embalagem é igual ao produto de dentro. E como você pode ver pelas fotos, com essa feijoada não é diferente. De certa forma é propaganda enganosa, então se você se sentir prejudicado, processe todos eles! TODOS!!!
  • Como já disse acima, tem um gosto bom! Não é aquele tipo de produto cheio de sal e condimentado, e também não é aguado.
A pratada...

A pratada...

Bom, se você quiser experimentar o produto, recomendo! Mas não espere muita coisa dele…

PS: Meu tempo tá curto, então infelizmente não vou responder os comentários como o Vinão sempre faz. E também não vou postar aqui sempre (para a sorte de vocês talvez nunca mais!).

Até mais! beba com moderação… use camisinha… respeite o próximo… juízo… e todo tipo de conselho que as tia véia dá!

Aquele abraço!

Ricardo Campos
Boêmio, publicitário quase formado e jogador de cancha aos domingos! (bocha é coisa pra fracos!)
E-mail: kadocampos@hotmail.com

Sem categoria Vinicius de Oliveira 21 maio 2009 Nenhum comentário

Férias, Chá de sumiço e fim do primeiro tempo…

Aponta o centro do campo.. final do primeiro tempo…

FériasÉ isso ai galera acabou o primeiro tempo do morando sozinho. Não vou parar com o blog, mas vou tirar umas férias, estou com alguns problemas particulares e espero que me entendam…

Não tenho previsão pra voltar, pode ser que eu volte amanha ou pode ser que eu volte só no ano que vem…. Mas eu prometo que volto.

Também estou me afastando do meu Twitter, Enquanto isso vocês podem visitar o fórum do morando sozinho, ou o twitter do @garagem69.

Me Desculpem.. e obrigado pela compreensão….

Sem categoria Vinicius de Oliveira 19 maio 2009 Nenhum comentário

Uma cueca que não precisa ser lavada

Um estudante de Medicina nos Estados Unidos acabou de inventar uma cueca que não precisa ser lavada, O medico se chama Rob Libfeld e segundo ele a idéia surgiu quando ele percebeu que alguns pacientes que passavam mais tempo no hospital ficavam constrangidos com sua roupa intima.

A tecnologia usada na invenção dele é simples: A cueca é estilo um samba-canção e tem um tecido marrom atrás e meio amarelado na frente. Essas cores disfarçam as freadas de caminhão e o final daquela mijada que ficou na cueca.

Assim as manchas se misturam a cor da cueca…
Pensando por esse lado é uma baita tecnologia, não sei como não pensei nisso antes….

Só achei estranho ele não usar a mesma tecnologia pra fazer uma calcinha pras mulheres, mas acho que é coisa de cultura pois aqui no Brasil a mulherada costuma lavar a calcinha durante o banho (algumas ainda deixam penduradas no registro do box no banheiro).
Acho que as americanas também são assim (se você for americana e estiver lendo isso comenta ai pra gente saber).
Agora com relação as cuecas eu achei meio porcão da parte do Rob, todas as vezes que eu fiquei internado minha família levava minhas cuecas..

Mas enfim se alguém de vocês se interessou e quiser comprar é só acessar o site do rob: www.nowashunderwear.com as cuecas custam dez dólares, são mais baratas que muita cueca porcaria aqui no Brasil.

Eu procurei no orkut o perfil desse tal Rob Libfeld, ia deixar um scrap dizendo “Seu palmeirense” mas como não encontrei vou fazer essa pergunta a vocês:
Quanto tempo vocês usariam uma cueca que não precisa ser lavada?

Em tempo: Fiquei sabendo através do twitter do Luis

Sem categoria Vinicius de Oliveira 14 maio 2009 Nenhum comentário

Como escolher uma casa

Antes de você começar a morar sozinho você precisa ter uma casa, você não consegue morar sozinho no seu quarto.

Recentemente eu vi no Multishow uma reportagem que dava algumas dicas de como escolher uma casa. No meu caso quando me mudei pra Jaú fiquei morando na casa de uma tia até me mudar pra minha casa definitivamente.
Detalhe no dia da minha mudança eu prestava serviço militar e fiquei de guarda. Acabei não conseguindo ajudar minha família na mudança…(que migué heim… rs)

Antes de pensar em escolher um lugar você precisa saber se vai sair da casa dos pais pra morar sozinho mesmo, em republica ou com a namorada (o).

Escolhida sua categoria é preciso ir atrás de uma casa, basicamente você precisa levar alguns fatores em consideração:

Localização:
Já que você tem a oportunidade de mudar deve procurar um lugar perto de onde você vai trabalhar/estudar. A não ser que você queira fazer a via sacra todo dia você pode começar a economizar com transporte.

Se você não tiver um carro deve procurar também lugares próximos a supermercados, hospitais e etc. Isso ajuda você nos dias de fazer as despesas do mês ou quando você fica doente.

Custos
Aluguel, Condomínio (no caso dos prédios) e IPTU, fiquem atentos com esse ultimo muitas vezes uma área central da cidade possui um IPTU muito alto.

Tamanho
Se você vai morar em uma republica o legal é pegar uma casa grande de preferência com um quarto pra cada pessoa. Se você vai morar sozinho talvez uma kitnet já resolva seus problemas, não precisa exagerar e ir atrás de uma casa com piscina mas também não vá morar em uma casa na árvore

Mas aonde devo procurar uma casa ?

Isso depende do tipo de lugar que você vai morar. Geralmente para republicas basta você ir em alguma faculdade e ver os murais ou conversar com alguns alunos. Sempre existe uma republica com vaga.

Eu aconselho começar a procurar uma casa na seguinte ordem: Internet, jornais, imobiliárias e Boca a Boca

Na internet ver anúncios de jornais, e casas através dos sites de imobiliárias e também alguns anúncios no orkut.

Recentemente um amigo meu (o Max do Não Fui Eu) passou na faculdade em São Carlos no interior de SP. Ele já havia decidido que ia morar em um republica e foi através do orkut que ele encontrou a republica onde ele está atualmente. Ta certo que ele não se deu muito bem na sua escolha, mas depois eu conto o motivo.

E vocês que moram sozinhos como foi a escolha da casa nova?

Sem categoria Vinicius de Oliveira 04 maio 2009 Nenhum comentário